MENSAGENS





Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/cderc813/public_html/mensagens/index.php on line 54

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/cderc813/public_html/mensagens/index.php on line 121

Davi o oitavo filho de Jessé ungido rei de Israel

Data: 19/02/2017 Tempo: 01:14:26





 

 

DAVI O OITAVO FILHO DE JESSÉ

UNGIDO COMO REI DE ISRAEL

 

Dr. William Soto Santiago

Domingo, 19 de Fevereiro de 2017

Cayey - Porto Rico

 

Boa tarde, amados amigos e irmãos aqui presentes, aos Ministros presentes, também ao Missionário Miguel Bermúdez Marín, e a todos os Ministros e congregações reunidas lá em Cali, Colômbia. Que Deus os abençoe e da minha parte recebam uma saudação de todo coração. E minhas felicitações pelas atividades evangelísticas que os evangelistas realizaram em Palmira nesta semana passada, e essas atividades terminaram na sexta-feira passada com um êxito total.

 

Também quero saudar a professora Olga Colombo, da Universidade de Porto Rico, recinto de Cayey, e aos que a acompanham.

 

Uma saudação também para o Reverendo Mauricio Vivas da congregação de Cali, Colômbia e a todos presentes lá com o Doutor Miguel Bermúdez Marín.

 

Para hoje teremos dois vídeos, dois vídeos das atividades da Embaixada Mundial de Ativistas pela Paz no Texas, as quais se realizaram durante o nosso último recorrido nos Estados Unidos. E por outra parte veremos um vídeo da Grande Tenda Catedral, onde estaremos conhecendo como estão se desenvolvendo todos os trabalhos na construção deste edifício que está sendo edificado graças à colaboração de muitas Igrejas nas diferentes partes do mundo. Adiante com o vídeo correspondente.

 

[Projeção dos vídeos-documentários]

 

Vimos os avanços da construção da Grande Tenda Catedral e também vimos os trabalhos da Embaixada Mundial de Ativistas pela Paz. Agora, iremos ao estudo bíblico de hoje, domingo de escola bíblica dominical, para o qual leremos no Primeiro Livro de Samuel no capítulo 16, versículos 1-14:

 

ENTÃO disse o SENHOR a Samuel: Até quando terás dó de Saul, havendo-o eu rejeitado, para que não reine sobre Israel? Enche um chifre de azeite, e vem, enviar-te-ei a Jessé o belemita; porque dentre os seus filhos me tenho provido de um rei.

2  Porém disse Samuel: Como irei eu? pois, ouvindo-o Saul, me matará. Então disse o SENHOR: Toma uma bezerra das vacas em tuas mãos, e dize: Vim para sacrificar ao SENHOR.

3  E convidarás a Jessé ao sacrifício; e eu te farei saber o que hás de fazer, e ungir-me-ás a quem eu te disser.

4  Fez, pois, Samuel o que dissera o SENHOR, e veio a Belém; então os anciãos da cidade saíram ao encontro, tremendo, e disseram: De paz é a tua vinda?

5  E disse ele: É de paz, vim sacrificar ao SENHOR; santificai-vos, e vinde comigo ao sacrifício. E santificou ele a Jessé e a seus filhos, e os convidou ao sacrifício.

6  E sucedeu que, entrando eles, viu a Eliabe, e disse: Certamente está perante o SENHOR o seu ungido.

7  Porém o SENHOR disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração.

8  Então chamou Jessé a Abinadabe, e o fez passar diante de Samuel, o qual disse: Nem a este tem escolhido o SENHOR.

9  Então Jessé fez passar a Sama; porém disse: Tampouco a este tem escolhido o SENHOR.

10  Assim fez passar Jessé a seus sete filhos diante de Samuel; porém Samuel disse a Jessé: O SENHOR não tem escolhido a estes.

11  Disse mais Samuel a Jessé: Acabaram-se os moços? E disse: Ainda falta o menor, que está apascentando as ovelhas. Disse, pois, Samuel a Jessé: Manda chamá-lo, porquanto não nos assentaremos até que ele venha aqui.

12  Então mandou chamá-lo e fê-lo entrar (e era ruivo e formoso de semblante e de boa presença); e disse o SENHOR: Levanta-te, e unge-o, porque é este mesmo.

13  Então Samuel tomou o chifre do azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos; e desde aquele dia em diante o Espírito do SENHOR se apoderou de Davi; então Samuel se levantou, e voltou a Ramá.

14  E o Espírito do SENHOR se retirou de Saul, e atormentava-o um espírito mau da parte do SENHOR”.

 

O tema da escola bíblica de hoje é: “DAVI, O OITAVO FILHO DE JESSÉ, UNGIDO COMO REI DE ISRAEL”.

 

É importante sabermos que Davi é um homem conforme ao coração de Deus, que é Profeta e, por conseguinte, têm as duas consciências juntas; os profetas têm o subconsciente e o consciente juntos. Por isso, até estando acordados podem ver com o subconsciente, porque não têm a barreira que os seres humanos correntes têm.

 

Por isso é que veem em outras dimensões, podem ouvir a Voz de Deus, podem ver a Deus e aos Anjos também nas Suas manifestações. E a Escritura diz que “Certamente o Senhor DEUS não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo aos seus servos, os profetas”. (Amós, capítulo 3, versículo 7).

 

E também no capítulo 7 de Zacarias, nos versículos 11 e 12, nos diz que Israel não quis escutar a Deus. E como Deus estava falando para Israel escutá-Lo? Diz:

 

Eles, porém, não quiseram escutar, e deram-me o ombro rebelde, e ensurdeceram os seus ouvidos, para que não ouvissem.

12  Sim, fizeram os seus corações como pedra de diamante, para que não ouvissem a lei, nem as palavras que o SENHOR dos Exércitos enviara pelo seu Espírito por intermédio dos primeiros profetas; daí veio a grande ira do SENHOR dos Exércitos”.

 

Aqui Deus estabeleceu a forma em que falava ao povo hebreu: falava por meio do Seu Espírito através dos Profetas, porque a Palavra vem aos Profetas: “Certamente o Senhor DEUS não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo aos seus servos, os profetas”.

 

Por isso os envia com as duas consciências juntas, para poder ouvir a Voz de Deus e poder comunicar o que Deus diz ao povo que esteja sob o Pacto que esteja vigente nesse tempo.

 

Israel estava sob o Pacto da Lei, portanto, Israel recebia da parte de Deus aos Profetas Mensageiros correspondentes à Dispensação da Lei.

 

E encontramos que Davi não era somente rei, mas Profeta também e, por conseguinte, Deus lhe falava, Deus lhe guiava e o escolheu para ser rei no lugar de Saul. E Davi era o oitavo filho de Jessé, nascido em Belém da Judeia, porque o Cristo nasceria em Belém da Judeia, portanto, Davi tinha de ser de Belém também.

 

E o Cristo, o Messias nasceria na Casa do Pão de Deus, que é Belém, porque “Belém” significa “a Casa do pão de Deus”, por isso, Jesus Cristo também tinha de nascer em Belém, porque Ele disse: “Eu sou o Pão de vida; quem comer deste pão viverá para sempre”. [São João 6:51]

 

Encontramos que Davi sendo o oitavo filho de Jessé, é tipo e figura do Rei vindouro, descendente do rei Davi, para o último tempo. O Rei vindouro teria de ser judeu, e teria de cumprir o tipo e figura de Davi, porque Davi é o tipo e figura do Messias-Príncipe que virá e governará sobre Israel e sobre todas as nações. O Rei que restaurará o Reino de Israel e ocupará o Trono de Davi, portanto, é importante sabermos que Davi é o oitavo filho de Jessé, ungido como rei de Israel.

 

E para o tempo final aparecerá o oitavo filho da monarquia do Filho de Davi e, isso, será a Vinda do Filho do Homem para o tempo final, para reclamar o Trono e Reino de Davi,  assentar-se sobre o Trono de Davi, e governar, reinar sobre Israel e sobre todas as nações, com a capital Jerusalém e todo Israel como  Distrito Federal.

 

E todas as nações que sejam salvas durante a grande tribulação, entrarão no Reino do Messias-Príncipe judeu, e a paz e a felicidade correrá de Jerusalém como um rio para todas as nações.

 

Esse é quem trará a paz permanente para Israel e para todas as nações. Pelo qual queremos que apareça Aquele que está representado no oitavo filho de Jessé, o qual será Ungido como Rei de Israel e terá de aparecer neste tempo final.  Os judeus estão esperando-O, o Cristianismo também está esperando-O.

 

Há um mistério, um segredo, o maior segredo de toda a Bíblia está na Vinda do Filho do Homem para o Último Dia, para falar a Israel e falar também ao Cristianismo.

 

Como virá? Quando virá? E quem será? É o segredo. Tudo isso está dentro do Sétimo Selo dos capitulo 8 e 10 do Apocalipse, o Livro que é como o Livro do Profeta Daniel, o qual também O viu no seu capítulo 7, vindo e tomando os direitos do Reino, os direitos da vida eterna,  para o estabelecimento do Reino de Davi, a restauração do Reino de Davi, da qual os discípulos de Jesus Cristo lhe perguntaram no Livro dos Atos, no capítulo 1: “Senhor, restaurarás tu o reino a Israel neste tempo?” Disse: “Não vos corresponde saber”...

 

Não lhes correspondia saber, porém, nos corresponde saber, porque nós estamos no tempo para a restauração do Reino e do Trono de Davi.

 

Essa é a única esperança que há para o povo judeu e para toda a humanidade. Sem essa esperança a vida não tem sentido. A vida seria trabalhar, dormir, comer, deixar que se passassem os anos e depois morrer, e isso não é vida.

 

Vida é o Senhor, Ele é a Vida para todo ser humano. E conhecer os mistérios do Senhor, o Programa Divino correspondente ao tempo em que alguém viva, é o privilégio e a bênção maior, porque está recebendo a revelação do Programa Divino, para estar dentro do Programa Divino, não vivendo ignorando o que Deus está fazendo na Terra.

 

É importante estarmos conscientes de que o oitavo filho de Jessé, ungido como rei de Israel, é tipo e figura do Messias-Príncipe que reclamará o Trono e o Reino de Davi, e estabelecerá o Reino de Deus na Terra, porque o Reino de Deus na Terra é o Reino de Davi, e o Trono terreno de Deus é o Trono de Davi.

 

Portanto, é importante conhecermos estes mistérios da Bíblia, para que assim nós não estejamos ignorando o que está se passando no Programa Divino.

 

É requerido que nós saibamos que Deus é o Rei do universo e que nós estamos aqui com um e para um propósito divino. Não estamos aqui para perdermos o tempo. Estamos aqui para entrarmos a um Programa Divino que nos levará a vida eterna para nunca morrermos.

 

Portanto, é importante que estejamos atentos e alertas, porque o oitavo filho de Jessé, tipificado em Davi será revelado e os judeus vão recebê-Lo. Mas, de onde sairá? Isso nós veremos em algum dia.

 

Vejamos aqui no Primeiro Livro de Crônicas, no capítulo 29, nos versículos 22 e 23, diz:

 

E comeram e beberam naquele dia perante o SENHOR, com grande gozo; e a segunda vez fizeram rei a Salomão filho de Davi, e o ungiram ao SENHOR por líder, e a Zadoque por sacerdote.

23  Assim Salomão se assentou no trono do SENHOR, como rei, em lugar de Davi seu pai”…

 

Em que trono Salomão se assentou? No trono de Davi seu pai, e diz que é o Trono de Deus, o Trono do Reino de Deus. Ou seja, o Trono terreno de Deus é o Trono de Davi, e o Reino terreno de Deus é o Reino de Davi.

 

Por isso os judeus perguntavam: “Restaurarás tu o reino a Israel neste tempo?” Porque o reino de Israel ou o Reino de Davi é o Reino terreno de Deus, e o Trono de Davi é o Trono terreno de Deus, o qual está conectado com o Trono e Reino Celestial de Deus. A representação do Reino Celestial de Deus é o Trono e o Reino de Davi. Tão simples assim.

 

E haverá um oitavo filho de Davi, ou seja, haverá um oitavo filho de Jessé representado em Davi, “Davi o Amado”. Belém, Belém da Judeia: “A Casa do pão de Deus”.

 

O Cristianismo está esperando a Vinda do Senhor. O Senhor vem primeiro à Sua Igreja e, depois, aos judeus, porque a Casa do Pão de Deus (que é Cristo, o Pão de Deus o qual disse: “Eu sou o Pão de vida”), está na Igreja, que é a Casa Espiritual de Deus do Novo Testamento, do Novo Pacto. [São João 6:48]

 

Assim que o Cristianismo tem de abrir seus olhos, porque a Vinda do Senhor se cumprirá primeiramente no meio da Igreja do Senhor Jesus Cristo, que é o Templo Espiritual de Deus e é a Casa do Pão de Vida, porque Cristo e a Sua Igreja são um. Sua Igreja é o Corpo Místico de Cristo, e é quem está sob o Novo Pacto, o Novo Testamento.

 

Depois Se revelará ao povo hebreu. O povo hebreu O verá, verá a Vinda do Senhor à Sua Igreja, e dirá: “Este é a quem nós estamos esperando”! Eles O receberão em breve, e entrará a Dispensação do Reino, que é o que corresponde aos judeus: esse entrelace da Dispensação do Reino com a Dispensação da Graça. Tão simples assim.

 

Mas, porquanto, é um mistério, o maior mistério de todos os mistérios, ficará selado até esse momento em que Deus o abra e dê a conhecer esse mistério da Vinda do Senhor, a Vinda do Filho do Homem neste tempo final à Sua Igreja, e depois ao povo hebreu.

 

Portanto, vem um tempo de preparação para os cristãos e também para os judeus, para se prepararem para a Vinda do Senhor, a Vinda do Rei de Israel, a Vinda Daquele que Davi é o tipo e figura como o oitavo filho de Jessé.

 

Recordem o que Cristo disse no capítulo 22 do Apocalipse, versículos 16 e 17. Cristo em Espírito Santo é quem fala no Livro do Apocalipse, por isso, sempre diz: “O Espírito diz tal coisa, o Espírito diz”… e depois diz: “O Espírito e a Esposa dizem”..., porque a Igreja tem de repetir o que Cristo em Espírito Santo está dizendo a Sua Igreja e no meio da Sua Igreja:

 

Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.

17  E o Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.

 

Aqui nós podemos ver que Cristo é a raiz e a linhagem de Davi. Ele é o Filho de Davi, e no Último Dia está prometida a manifestação do Filho do Homem no meio do Cristianismo, e depois no meio dos judeus. Isso é a Vinda do Senhor para o tempo final. Há um grande mistério aí.

 

Recordem o que Cristo sempre dizia: “O Filho do Homem”. É porque como Filho do Homem, esse título corresponde a Profeta e, por isso, Cristo como Profeta, Se identificava como o Filho do Homem.

 

E a promessa é de que o Filho do Homem virá com Seus Anjos nas nuvens, para chamar e juntar os escolhidos do povo hebreu, que serão cento e quarenta e quatro mil escolhidos, doze mil de cada tribo, porém, primeiro Ele vem e Se manifesta no meio da Sua Igreja neste tempo final.

 

O Cristianismo tem de estar preparado para esse evento, estar bem unido e os judeus também, para que a Vinda do Filho do Homem seja de bênção, que possam identificá-Lo e possam receber as bênçãos para os seres humanos que vêm ao Filho do Homem neste tempo final.

 

O OITAVO FILHO DE JESSÉ, UNGIDO COMO REI DE ISRAEL”.

 

Esse foi o nosso tema de escola bíblica para hoje, domingo de escola bíblica, aqui na Grande Tenda Catedral, e para todos os que estão conectados com esta transmissão via satélite ou via internet.

 

Se houver alguma pessoa que ainda não recebeu Cristo como Salvador, pode fazer isso nesta ocasião, estaremos orando por você para que Cristo o receba no Seu Reino, o perdoe e o limpe de todo pecado com o Seu Sangue, que você seja batizado na água no Seu Nome, Cristo o batize com o Espírito Santo e Fogo, e produza o novo nascimento em você.

 

Recorde que, quem não nasça de novo não pode entrar no Reino de Deus, assim Cristo disse em São João, no capítulo 3, versículos 1-6. Cristo disse que é necessário nascer de novo.

 

No Reino de Cristo, que está na esfera espiritual, a cada dia está produzindo o novo nascimento das pessoas que O recebem como único e suficiente Salvador. Depois virá a parte física, que será a ressurreição dos mortos em Cristo em corpos glorificados e eternos (como o que Jesus Cristo tem), e a transformação dos crentes que estiverem vivos nascidos de novo na Igreja do Senhor Jesus Cristo e, depois, Israel receberá ao Messias-Príncipe, ao Filho de Davi.

 

Israel está esperando ao Filho de Davi, ao Messias-Príncipe, está esperando a um homem, a um Profeta no qual essas profecias se cumpram. Isso é o que Israel está esperando.

 

Vamos ficar em pé para orarmos pelas pessoas que estão chegando aos Pés de Cristo o nosso Salvador, nos diferentes países e aqui também.

 

As crianças de dez anos em diante também podem vir aos Pés de Cristo. Cristo disse: “Deixai os meninos virem a mim, e não o impeças, porque dos tais é o reino dos céus”. [São Mateus 19:14]

 

Com nossos rostos inclinados e nossos olhos fechados:

 

Pai celestial, vimos a Ti no Nome do Senhor Jesus Cristo trazendo estas pessoas que estão recebendo Cristo como único e suficiente Salvador. Eu Te rogo que as recebas no Teu Reino, no Nome do Senhor Jesus Cristo. Amém.

 

E, agora, os que vieram aos Pés de Cristo nestes momentos repitam comigo esta oração:

 

Senhor Jesus Cristo, escutei a pregação do Teu Evangelho e a Tua fé nasceu em meu coração.

 

Creio em Ti com toda a minha alma e creio na Tua Primeira Vinda. Creio no Teu Nome como o único nome debaixo do Céu, dado aos homens, em que podemos ser salvos e creio na Tua morte na Cruz do Calvário como o Sacrifício da Expiação pelos nossos pecados.

Senhor eu crio em Ti com toda a minha alma.

 

Reconheço que sou pecador e necessito um Salvador, um Redentor. Eu Te recebo como o meu único e suficiente Salvador, Te rogo que perdoes os meus pecados, que me limpes de todo pecado com o Teu Sangue, me batizes com o Espírito Santo e Fogo, e que produzas o novo nascimento em mim.

 

Eu Te rogo no Teu Nome Eterno e glorioso: Senhor Jesus Cristo. Amém.

 

E os que receberam Cristo agora perguntarão: “Quando podem me batizar?

 

Quando São Pedro pregou e quando os diferentes apóstolos pregavam, nesse mesmo dia em que pregavam e as pessoas aceitavam Cristo como Salvador: eles as batizavam, porque primeiro é o batismo, depois vem o batismo do Espírito Santo.

 

E quando Pedro pregou no Dia de Pentecostes vieram milhares de pessoas e, quando elas creram foram batizadas no Nome do Senhor. Essa é a forma bíblica da parte de Deus para todo o Cristianismo, e essa forma sempre esteve na Bíblia para ser praticada por todos os crentes, por todos os pastores e por todas as Igrejas do Cristianismo.

 

Deus não mudou essa forma. Batizar no Nome do Senhor Jesus Cristo significa que a pessoa  está sendo batizada no Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, porque Pai, Filho e Espírito Santo é: “Senhor Jesus Cristo”. Tão simples assim.

 

Por isso, no Cristianismo não se pode mudar a forma de batizar que os apóstolos usaram, porque essa foi a que o Espírito Santo deu por revelação a São Pedro e aos outros apóstolos. Tão simples assim.

 

Quando se faz como já foi estabelecido, não pode falhar. Se se muda a forma que Deus utilizou, há uma falha, e não está de acordo ao Programa Divino para o Cristianismo. Por conseguinte, terá de se seguir adiante até que o último escolhido de Deus entre no Corpo Místico de Cristo, Cristo complete a Sua Igreja, ressuscite aos mortos em Cristo, e transforme aos que estiverem vivos e nos leve a Ceia das Bodas do Cordeiro.

 

Portanto, todos os que vieram aos Pés de Cristo nesta ocasião podem ser batizados, que Cristo os batize com o Espírito Santo e Fogo, que produza o novo nascimento em vocês e continuaremos nos vendo eternamente no Reino de Cristo o nosso Salvador.

 

DAVI, O OITAVO FILHO DE JESSÉ, UNGIDO COMO REI DE ISRAEL”.

 

Esse foi o tema da nossa escola bíblica de hoje, domingo, 19 de Fevereiro de 2017.

 

Que todos continuem desfrutando uma tarde feliz, repleta das bênçãos de Cristo o nosso Salvador.

 

Deixo com vocês aqui ao Reverendo José Benjamim Pérez para continuar e para que indique aos que vieram aos Pés de Cristo nesta ocasião, como devem fazer para se batizarem, e em cada país deixo ao Ministro correspondente para que faça da mesma forma que se estará fazendo aqui.

 

Que Deus abençoe e guarde a todos, que continuem desfrutando uma tarde feliz, repleta das bênçãos de Cristo o nosso Salvador.

 

DAVI, O OITAVO FILHO DE JESSÉ, UNGIDO COMO REI DISRAEL”.