MENSAGENS




Israel eis aqui teu Rei vem a ti - Introdução

Data: 07/04/2017 Tempo: 00:42:23





 

 

ISRAEL EI AQUI TEU REI VEM A TI

 

Dr. William Soto Santigo

Sexta-feira, 07 de Abril de 2017

Cayey - Porto Rico

 

Boa noite, amados irmãos e amigos aqui presentes, aos que estão em diferentes países, aos Ministros e suas congregações e também ao Missionário Miguel Bermúdez Marín lá em Barcelona, na Venezuela, na congregação que o Reverendo Barrolleta pastoreia, a igreja ou congregação “Uma Obra de Fé”. O Reverendo Doutor Miguel Bermúdez Marín está lá na congregação “Uma Obra de Fé”, nesta ocasião.

 

Receba uma saudação de todo coração, da minha parte e desta congregação aqui de Porto Rico, e também uma saudação para o Reverendo Jesus Barrolleta e sua congregação.

 

Para hoje vamos ler em São Mateus no capítulo 21, do versículo 1 em diante, e em São Mateus no capítulo 23, versículo 39, já que, depois de amanhã ou no próximo domingo começará a Semana Santa, a qual é comemorada pelo Cristianismo em todos os países.

 

Leiamos e diz da seguinte maneira:

 

E, QUANDO se aproximaram de Jerusalém, e chegaram a Betfagé, ao Monte das Oliveiras, enviou, então, Jesus dois discípulos, dizendo-lhes:

2  Ide à aldeia que está defronte de vós, e logo encontrareis uma jumenta presa, e um jumentinho com ela; desprendei-a, e trazei-os.

3  E, se alguém vos disser alguma coisa, direis que o Senhor os há de mister; e logo os enviará.

4  Ora, tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta, que diz:

5  Dizei à filha de Sião: Eis que o teu Rei aí te vem, Manso, e assentado sobre uma jumenta, E sobre um jumentinho, filho de animal de carga.

6  E, indo os discípulos, e fazendo como Jesus lhes ordenara,

7  Trouxeram a jumenta e o jumentinho, e sobre eles puseram as suas vestes, e fizeram-no assentar em cima.

8  E muitíssima gente estendia as suas vestes pelo caminho, e outros cortavam ramos de árvores, e os espalhavam pelo caminho.

9  E a multidão que ia adiante, e a que seguia, clamava, dizendo: Hosana ao Filho de Davi; bendito o que vem em nome do Senhor. Hosana nas alturas!

10  E, entrando ele em Jerusalém, toda a cidade se alvoroçou, dizendo: Quem é este?

11  E a multidão dizia: Este é Jesus, o profeta de Nazaré da Galileia”.

 

E no capítulo 23 de São Mateus, no versículo 39, diz:

 

Porque eu vos digo que desde agora não me vereis mais, até que digais: Bendito o que vem em nome do Senhor”.

 

Que Deus abençoe nossas almas com a Sua Palavra e nos permita entendê-la.

 

O nosso tema para esta introdução que estaremos fazendo, a introdução do tema do domingo próximo da escola bíblica, será: “ISRAEL EIS AQUI TEU REI VEM A TI”.

 

Esta Escritura já se cumpriu na Primeira Vinda, na qual Ele veio sobre um jumentinho, filho de animal de carga, e cumpriu essa profecia. E os que viram o cumprimento dessa profecia, uma parte deles creu e outra parte não creu, o que mostra que, quando Deus cumpre as profecias, o que Ele prometeu, uma parte crerá e outra parte não crerá.

 

O mais importante é o Programa Divino, e a parte mais importante é a Primeira Vinda do Senhor e a Segunda Vinda do Senhor.

 

Para a Primeira Vinda houve muitas profecias, e o próprio Senhor esteve Se identificando como o Messias prometido durante esses três anos e meio de ministério que Ele teve, nos quais foi a primeira parte da semana setenta, na primeira metade e faltam três anos e meio para o povo hebreu, quando o Messias-Príncipe Se revelará a eles.

 

Portanto, Israel tem uma grande promessa: a Vinda do Messias Se revelando como José se revelou aos judeus lá no Egito. E isso está muito próximo de ser cumprido neste nosso tempo em que nos correspondeu viver.

 

Os judeus estão esperando a Vinda do Messias neste mesmo nosso ano em que estamos vivendo, porque para eles é o ano cinco mil setecentos e setenta e sete (5777), o qual começou no ano passado na Festa do Ano Novo para eles. Essa Festa do Ano Novo é a Festa das Trombetas, que tem grandes bênçãos para o povo hebreu.

 

Será nessa Festa das Trombetas que Ele Se revelará a Israel, porque desde o dia de Pentecostes até hoje, esteve-se vivendo na Festa de Pentecostes, que começou ha aproximadamente dois mil anos, na qual se prega o Evangelho de Cristo, a Primeira Vinda de Cristo e a Sua Obra de Redenção na Cruz do Calvário. E se faz o chamado à  salvação e à vida eterna para a pessoa receber Cristo como único e suficiente Salvador, e assim nascer no Corpo Místico de Cristo, que é a Sua Igreja, é o Israel Espiritual, os quais são da Ordem de Melquisedeque e são Reis, Sacerdotes e Juízes, porque “os Santos julgarão ao mundo”. [Primeira Carta aos Coríntios 6:2]

 

Os Santos que morreram virão com o Senhor, virão na ressurreição e os que estarão vivos serão transformados, todos aqueles que estarão no Corpo Místico de Cristo, que são os que nasceram de novo no tempo em que lhes correspondeu viver.

 

Depois virá a Festa das Trombetas (do capítulo 23 de Levítico, versículo 24), essa festa será para os judeus, para o chamado dos judeus, para Deus começar a tratar com os judeus no Seu Programa, na Festa das Trombetas. Depois lhe seguirá a Festa da Expiação (do capítulo 23 de Levítico, nos versículos 26-29). Eles verão a expiação e receberão a reconciliação com Deus.  Depois virá a Festa das Cabanas, que será o Reino Milenar de Cristo sobre a Terra com os judeus, e governando com os judeus sobre todas as nações.

 

Será aí onde Israel receberá a grande bênção nessas três festas: na Festa das Trombetas, na Festa da Expiação e na Festa dos Tabernáculos ou Festa das Cabanas.

 

Tudo isso é para ser cumprido com o povo hebreu, porque a Igreja-noiva do Senhor Jesus Cristo já estará transformada, e com o Rei estará herdando tudo o que Deus outorgará ao Messias-Príncipe e, por conseguinte, a Igreja-noiva do Senhor Jesus Cristo estará no Reino Milenar com o Messias-Príncipe, vivendo em corpos glorificados da Ordem de Melquisedeque.

 

A Igreja do Senhor Jesus Cristo é dessa Ordem e Melquisedeque, o Messias-Príncipe é dessa Ordem, e o Messias-Príncipe também é descendente do rei Davi e, por conseguinte, descendente da tribo de Judá.

 

Todas essas coisas para este tempo final serão esclarecidas e os judeus deste tempo final receberão as boas-vindas no Reino de Deus. Mas há uma grande bênção para os crentes em Cristo que formam a Igreja do Senhor Jesus Cristo deste tempo em que nos correspondeu viver.

 

Assim como a Escritura diz que o Senhor viria num jumentinho, num asnozinho, filho de asna, Cristo disse: “Porque vos digo que desde agora não me vereis mais, até que digais: Bendito o que vem no nome do Senhor”. E esta profecia será cumprida na Segunda Vinda de Cristo, na Vinda do Senhor, quando Ele vier sobre um cavalo branco no Apocalipse, capítulo 19.

 

Assim como veio a Israel num jumentinho, num animal filho de asna, agora, temos a promessa de que virá num poderoso cavalo branco, como Rei de reis e Senhor de senhores, e Juiz de toda a Terra.

 

Um cavalo branco representa um poder. Virá no tempo final cavalgando sobre o poder divino em toda a Sua plenitude, virá com os escolhidos do Último Dia. E quando ocorra a ressurreição, a esse grupo se unirá o grupo que ressuscitará em corpos glorificados, para estarem por uma temporada aqui de trinta e quarenta dias já transformados e logo depois, irão com o Senhor à Ceia das Bodas do Cordeiro, onde o Messias e também a Igreja-noiva do Senhor serão investidos para reinarem sobre a Terra, desde Jerusalém sobre o Trono de Davi.

 

Portanto, estejamos preparados, porque o que sucedeu lá, com Cristo entrando em Jerusalém num jumentinho, filho de asna, e todos clamando “Hosana ao que vem no Nome do Senhor!”, e a Escritura dizendo: “Eis aqui Teu Rei”, isso se repetirá no meio do Cristianismo, aonde o Senhor virá sobre o poder da Palavra, ou seja, tipificado num cavalo branco vindo à Sua Igreja neste tempo final. Do qual o Reverendo William Branham falou no Livro das “Citações”, na página 155. Este é um extrato da Mensagem “Qual é a Atração sobre o Monte?” E qual é a Atração no Monte de Sião, agora, e que tipifica a Igreja do Senhor Jesus Cristo? Ele disse na página 155, no parágrafo 1383:

 

Oh, haverá uma verdadeira chuva temporã e tardia nos últimos dias sobre esse pequeno grupo que vem com Ele sobre este asno manso e humilde, sem dúvidas e sem denominação, clamando: ‘Hosana ao Rei que vem no nome do Senhor’! O que se passa hoje? Qual é a Atração sobre o Monte”?

 

E, agora, vejam como mostrou que haverá uma repetição da profecia da entrada do Senhor em Jerusalém. A Igreja do Senhor Jesus Cristo é a Sião Espiritual e também a Jerusalém Celestial. E na página 166 deste Livro das “Citações”, no parágrafo 1485, ele disse:

 

Agora, eu estava ficando bastante velho e pensei: ‘Haverá outro avivamento, verei outro tempo’? E só recordem: do oeste virá um cavaleiro num cavalo branco. Cavalgaremos este caminho outra vez. Isso é correto. Estamos quase prontos. Vejam, é uma promessa”.

 

E aqui está a promessa que do ocidente, ou seja, do oeste e o ocidente, o oeste do planeta Terra corresponde ao Continente Americano e o Oriente Médio ou o Meio leste  corresponde a Israel.

 

E assim como a promessa da Primeira Vinda de Cristo, do Messias foi para o leste e, agora, a Segunda Vinda está prometida para o oeste, vindo sobre um cavalo branco no capítulo 19 do Apocalipse, como o Reverendo William Branham nos mostra e nos traz um avivamento, um despertamento espiritual. Tudo isso é paralelo ao que sucedeu lá na Primeira Vinda do Senhor.

 

É tão paralelo que a Igreja do Senhor Jesus Cristo sob o Novo Pacto tem até o precursor, como Israel o teve na Primeira Vinda de Cristo, o qual foi João o Batista. E o Israel Celestial, a Igreja do Senhor Jesus Cristo tem o precursor da Segunda Vinda de Cristo, que é o Reverendo William Branham.

 

Portanto, assim como a Primeira Vinda do Senhor foi conforme João pregou, anunciou, e O apresentou ao povo, e disse: “Este é aquele de quem eu disse que depois de mim viria um maior do que eu”. [São João 1:27] João com a sua Mensagem apresentou o Messias-Príncipe na Sua Primeira Vinda e o Reverendo William Branham com a sua Mensagem apresenta a Segunda Vinda de Cristo vindo à Sua Igreja no tempo final, na etapa que corresponde ao oeste, ou seja, ao Continente Americano, que consta da América do Norte, da América Central e da América Latina. Tão simples assim.

 

Portanto, como naquele tempo da Primeira Vinda muitos perguntarão no Último Dia: “Quem é este?”. “Quem é este?” na Primeira Vinda e “Quem é este”? na Segunda Vinda do Senhor.

 

Tudo será simples, como foi simples naquele tempo dos dias de João o Batista e de Jesus de Nazaré.

 

A Escritura, a Bíblia e a Mensagem do Reverendo William Branham estarão apresentando a Vinda do Senhor no Último Dia e com a Sua Mensagem escutaremos as palavras: “Eis aqui Teu Rei vem a ti”, pois, está esperando a Vinda do Senhor e para este tempo final terá de cumprir a Vinda do Senhor.

 

A Mensagem da parte de Deus para o povo de Deus é: “Eis aqui Teu Rei vem a ti”. Ou seja, o povo está chamado a esperá-Lo no meio do povo e a lhe dar as boas-vindas, pois Ele disse: “Porque vos digo que desde agora não me vereis mais, até que digais: Bendito o que vem no nome do Senhor”.

 

Viram? É paralelo em tudo. Assim como a Primeira Vinda teve um precursor, a Segunda Vinda tem um precursor e se a Primeira e a Segunda Vinda tiveram um precursor, também terá um precursado, porque não se pode precursar algo e não se cumprir como foi anunciado ao povo de Deus do Pacto vigente deste tempo final.

 

A Mensagem do precursor apresentará a Vinda do Senhor e no que Ele falou está a apresentação da Vinda do Senhor. Portanto, será como foi a dois mil anos atrás: “Eis aqui Teu Rei vem a ti”.

 

Virá ao povo do Novo Pacto que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo, como veio ao Pacto da Lei a dois mil anos atrás, que era o Pacto que estava vigente naqueles dias e veio depois de João o Batista, depois do precursor e, portanto, era o Mensageiro que correspondia à Era de Pedra Angular.

 

Assim também será neste tempo final: será na Era de Pedra Angular onde se cumprirá a Vinda do Senhor à Sua Igreja. Por isso, será a etapa mais importante da Igreja do Senhor Jesus Cristo.

 

ISRAEL EIS AQUI TEU REI VEM A TI”.

 

À Igreja do Senhor Jesus Cristo sob o Novo Pacto: Eis aqui Teu Rei vem a ti neste tempo final!

 

Para mim foi uma bênção e um grande privilégio estar com vocês nesta ocasião, lhes dando testemunho da Palavra de Deus para o nosso tempo.

 

Depois de amanhã ou no próximo domingo estarei novamente com vocês para a escola bíblica, da qual o tema do estudo bíblico será: “ISRAEL, EIS AQUI TEU REI VEM A TI”.

 

Que Deus abençoe e guarde a todos os presentes e a todos os que estão reunidos em outros países.

 

Se houver alguma pessoa nos diferentes países que ainda não recebeu Cristo, poderá fazê-lo nestes momentos e se há alguém aqui presente também que não recebeu Cristo, poderá fazê-lo, e estaremos orando por você.

 

Para o qual se estiver aqui presente pode passar aqui na frente, e se estiver em outro país pode passar aí na frente, para que fique incluído na oração que estaremos fazendo por você.

 

Todos podem ficar em pé enquanto as pessoas aqui e nos diferentes países passam à frente e recebem Cristo.

 

E, agora, vamos orar pelas pessoas que estão chegando aos Pés de Cristo nos diferentes países. Com nossos olhos fechados e nossos rostos inclinados:

 

Pai nosso que estás nos Céus, venho a Ti no Nome do Senhor Jesus Cristo com todas estas pessoas que estão recebendo Cristo como único e suficiente Salvador. Eu Te rogo que as recebas no Teu Reino, no Nome do Senhor Jesus Cristo. Amém.

 

E, agora, repitam comigo esta oração que estarei fazendo por vocês que estarão recebendo Cristo como único e suficiente Salvador:

 

Senhor Jesus Cristo, venho a Ti crendo no Teu Evangelho, e Te recebo como meu único e suficiente Salvador.

 

Creio no Teu Nome como o único nome, dado aos homens, em que podemos ser salvos e creio que não há outro Salvador, não há outra forma de salvação para o ser humano.

 

Dou testemunho público da minha fé em Ti, da Tua fé em mim. Creio no Teu Sacrifício na Cruz do Calvário como o Sacrifício da Expiação pelos nossos pecados  e reconheço que sou pecador e necessito um Salvador.

 

Venho a Ti dando testemunho e Te recebendo como meu único e suficiente Salvador. Rogo-Te que perdoes os meus pecados, que me limpes de todo pecado com o Teu Sangue, que me batizes com o Espírito Santo e Fogo logo após eu ser batizado na água no Teu Nome, e produzas o novo nascimento em mim. Eu quero nascer no Teu Reino, quero viver eternamente.

 

Senhor, eu Te recebo com todo o meu coração. Faça uma realidade em mim a salvação que ganhaste para mim na Cruz do Calvário. Eu Te rogo no Teu Nome Eterno e glorioso: Senhor Jesus Cristo. Amém e amém.

 

E, agora, os que vieram aos Pés de Cristo nestes momentos nos diferentes países perguntarão: “Quando podem me batizar”?

 

O batismo na água não tira os pecados, o Sangue de Cristo é o que nos limpa de todo pecado, porém, o batismo na água é um mandamento do Senhor Jesus Cristo, por isso, Ele disse: “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura: Quem crer e for batizado, será salvo; mas quem não crer, será condenado”. [São Marcos 16:15-16]

 

Portanto, sendo um mandamento de Cristo, podemos ver que até o próprio Jesus Cristo foi batizado por João o Batista, o qual, quando viu a Jesus que entrou nas águas do rio Jordão (onde João pregava e batizava), para ser batizado, João disse: “Eu tenho necessidade de ser batizado por Ti, e Tu vens a mim para que eu te batize”? E não queria batizá-Lo. Jesus lhe disse: “Convém cumprirmos toda a justiça”, e, então, o batizou. E quando subiu das águas batismais, o Espírito Santo veio sobre Jesus. [São Mateus 3:13-16]

 

Vejam que é importante que todo crente seja batizado, para que o Espírito Santo venha sobre a pessoa e produza o novo nascimento nela.

 

Portanto, todos podem ser batizados, que Cristo os batize com o Espírito Santo e Fogo, que produza o novo nascimento em vocês e continuaremos nos vendo eternamente no Reino de Deus, quando estiver na Terra e, antes disso, estamos no Reino de Deus na esfera espiritual.

 

Depois estaremos na Ceia das Bodas do Cordeiro, na Casa do nosso Pai Celestial e, depois, retornaremos a Terra para o começo do Reino Milenar do Messias-Príncipe. Em Israel estará a capital, que será Jerusalém.

 

Portanto, todos os crentes em Cristo nascidos de novo estarão em todo o Programa Divino e estará o Rei que vem no Último Dia para realizar a Obra correspondente ao tempo final, que o Messias-Príncipe fará, o qual virá no poder de Deus, tipificado vindo num cavalo branco com um Exército vestido de branco em cavalos brancos.

 

Para mim foi um grande privilégio estar com vocês nesta ocasião, na introdução do tema: “ISRAEL, EIS AQUI TEU REI VEM A TI”.

 

No próximo domingo veremos este tema com mais detalhes, no qual esperamos que na Sua Vinda possamos vê-Lo e dizer: “Eis aqui Ele veio a nós”, e O vemos na Sua Vinda.

 

Que Deus os abençoe e guarde. Deixo cada Ministro em cada país para que indique como vocês devem fazer para se batizarem na água no Nome do Senhor Jesus Cristo, e deixo aqui ao Reverendo José Benjamim Pérez para continuar.

 

Que Deus abençoe e guarde a todos e que passem muito boa noite.

 

Que Deus abençoe e guarde a todos.

 

ISRAEL, EIS AQUI TEU REI VEM A TI”.